molecularização

Historicamente, os cartórios permaneceram por longo tempo "atomizados", independentes, sem vínculos de interconexão.

 

As novas tecnologias impuseram um novo paradigma: a "molecularização" das serventias. 

 

Mas o que isto significa?

 

Hoje, não se admite que os cartórios não possam intercambiar dados entre si e seus usuários, sejam eles pessoas físicas, jurídicas, entidades públicas ou privadas.

A palavra de ordem é interconexão.

Os cartórios não podem permanecer isolados. Serão abandonados por obsolescência. 

Conheça nossas propostas no documento Cartório Molecular